... ...

Fake News – “O Perigo das falsas curas compartilhadas na internet”.

Em meio a tantas dúvidas, a maior certeza que temos hoje é que os cientistas e pesquisadores querem encontrar a cura para o coronavírus. No mundo todo, há diversas pesquisas sendo realizadas por renomados estudiosos sobre os antivirais que podem atacar diretamente o vírus, além de vacinas preventivas. Porém, nós sabemos que o caminho é longo até que tudo seja comprovado e testado com segurança para ser disponibilizado a todos. 

Enquanto isso, na internet, muitas notícias e informações circulam e boa parte delas são FAKE NEWS. Pensando nisso, queremos que você fique atento! Mas, você deve estar se perguntando: por que as notícias falsas são tão perigosas? Muitas delas estão sendo compartilhadas e envolvem substâncias prejudiciais para o nosso corpo se ingeridas como: água com prata ou água prateada, como está sendo chamada, óleos essenciais e até remédios placebos. 

Sempre que você receber uma notícia por WhatsApp ou até ser impactado na internet e ficar na dúvida se é verdade ou mentira, você pode mandar um Zap! É isso mesmo, ficou curioso? 

O Ministério da Saúde, para tentar combater as fake news sobre a Covid-19, disponibilizou um número de WhatsApp para a população enviar mensagens. O canal é um espaço exclusivo para receber as informações virais que deverão ser apuradas pelos técnicos. Após análise, eles vão dizer se é verdade ou mentira. 

Envie mensagens, textos ou imagens que você recebeu nas redes sociais para confirmar a informação antes de compartilhá-las. Salve o número nos seus contatos e use sempre que precisar: (61) 99289-4640.

Outro canal para se manter sempre atualizado com informações confiáveis é a Folha de S.Paulo. O jornal, em parceria com o Spotify, criou o podcast Plantão Coronavírus. De segunda a sexta-feira, a partir das 18 horas, são publicados boletins de até 5 minutos sobre a pandemia.   

Fontes: 
BBC News 
Jornal Folha de S.Paulo 
Ministério da Saúde

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Leia Também

GABRIELA GABERLOTTI
Head de Motion

Motion designer e diretora de arte, hoje é responsável pelo time de audiovisual da agência. Conta com uma experiência de 6 anos na área da publicidade, integrou um coletivo de arte na Irlanda e é apaixonada por ilustração.

SOFIA BARACAT
Head de Atendimento

Com 20 anos de experiência no mercado de comunicação, trabalhou em agências de Campinas, São Paulo e também no ambiente corporativo. 

Na área de Atendimento atuou com clientes de diferentes segmentos como educação, automotivo, EPI, papel e celulose, veterinário e telefonia. 

sofia.baracat@fourmi.com.br

FERNANDO QUEIROZ
Diretor financeiro

 Executivo com longa carreira em grandes empresas, há 5 anos na agência, atua em toda área administrativa e financeira, incluindo infraestrutura e aquisições de novos negócios.

fernando.queiroz@fourmi.com.br
+55 19 99117-2559

MARCIO ERBRECHT
Fundador e diretor de criação

Entre suas características, as que mais ajudaram na cultura da agência foram sua habilidade em liderança, dedicação em ensinar e facilidade em criar. Aliás, criatividade está em sua formação e vocação. Tem mais de 20 anos em experiência com criação, 3D e toda sua memória em reuniões são marcadas pelas linhas de suas ilustrações.

marcio.erbrecht@fourmi.com.br
+55 19 99250-3876

RENATA MERCIER
Diretora executiva e de relacionamento

Sócia na agência com 15 anos de experiência na área da comunicação, Renata planejou a Fourmi para ser uma agência extensão do cliente, isso porque atuou, em grande parte de sua carreira, na gestão de marketing e comunicação de grandes empresas. Entre suas responsabilidades, está à frente do time de Atendimento.

renata.mercier@fourmi.com.br
+55 19 99495-1940